Post teve mais de 5 mil curtidas no instagram
Reprodução/Instagram
Post teve mais de 5 mil curtidas no instagram



Desde que o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse: "Se tomar vacina e virar jacaré não tenho nada a ver com isso", muitos brasileiros se inspiraram para fazer os mais diversos memes. Alguns mais criativos, inclusive, foram se vacinar fantasiados de jacaré.

No entanto, nenhum deles, talvez, tivesse tanta legitimidade para se vestir de Cuca como Natan Sereio. Ele é estagiário do Museu Monteiro Lobato, espaço localizado em Taubaté, interior de São Paulo, que preserva a obra do escritor responsável pela criação do Sítio do Picapau Amarelo e, claro, da própria Cuca, um dos jacarés mais famosos do país.

"A ideia surgiu há muito tempo. Eu trabalho como estagiário no Museu Monteiro Lobato e, logo que saíram as falas do Bolsonaro contrárias à vacinação e tirando a credibilidade da CoronaVac, pensei em me vacinar de Cuca. Porém, demorou muito para chegar a minha vez. Outras pessoas acabaram fazendo isso antes. Culpa da demora na campanha de imunização. Pensou Brasil, pensou jacaré, já vem a Cuca na cabeça", disse o estagiário, que possui 23 anos e foi vacinado na última sexta-feira (06), em Taubaté, onde também estuda Artes Dramáticas.


Ativismo

Você viu?

Natan Sereio também tem um personagem chamada Sirena Merqueen, uma drag queen. Durante a entrevista ao IG , ele afirmou que sempre se monta para momentos importantes, como votação, protestos e, agora, a vacinação: "A drag chama muito a atenção, tem muita força. Todo mundo que olha para ela, reflete sobre alguma coisa. Sabendo do poder que qualquer fantasia tem, eu me vesti de Cuca para tirar sarro das fake news sobre a vacina e chamar as pessoas para a camapnha de imunização", explicou.



Repercussão

O estagiário tem 8.617 seguidores no Instagram. Só no post com a foto recebendo a vacina, fantasiado de Cuca, foram mais de 5 mil curtidas até a publicação desta matéria. "Não esperava uma repercussão tão gigantesca. Já tinha alguns seguidores pelo trabalho de drag. Sabia que meus amigos e o pessoal do movimento LGBTQI+ iria comentar, mas não esperava que teria toda esta proporção", admitiu.

Para se fantasiar igual ao personagem do Sítio de Picapau Amarelo, Natan Sereio se pintou com tinta guache. "A enfermeira só limpou um espaço do meu braço com algodão e aplicou a vacina. Foi bem tranquilo", finalizou.

*Com colaboração de Letícia Martins 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários