Luciano Hang quer depor, mas seus advogados avaliam habeas corpus
Reprodução/Flickr
Luciano Hang quer depor, mas seus advogados avaliam habeas corpus

Luciano Hang , empresário bolsonarista e proprietário das lojas Havan, se diz "tranquilo" com a convocação à CPI da Covid . Porém, seus advogados avaliam a possibilidade de requerir um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF). As informações são da jornalista Bela Megale.

Aos seus representantes, Hang tem dito que quer responder aos questionamentos realizados pelos senadores membros da comissão parlamentar de inquérito. Ao que tudo indica, a decisão será tomada nos próximos dias entre as partes.

Além do depoimento, os parlamentares deverão votar a quebra dos sigilos bancários e fiscal de Hang. Com isso, busca-se identificar se houve pagamento do empresário a grupos, sites ou srviços de propagação de notícias falsas relacionadas ao novo coronavírus.

A relação de Hang com a empresa Belcher Farmacêutica - intermediária que tratou das negociações da compra de 60 milhões de doses da vacina chinesa Cansino com o governo federal - também será investigada.


Sua possível ligação com o " gabinete paralelo" também será uma das pautas. Transmissões ao vivo com Carlos Wizard e Emanuel Catori - sócio da Belcher Farmacêutica - foram realizadas durante o período da pandemia, onde houve a defesa pública da utilização de medicamentos contra covid-19 sem comprovação científica.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários