Ministro do Meio Ambiente foi alvo da Operação Akuanduba, da Polícia Federal
Reprodução/Flickr
Ministro do Meio Ambiente foi alvo da Operação Akuanduba, da Polícia Federal

O ministro do Meio Ambiente , Ricardo Salles , entregou seu celular aos investigadores da Polícia Federal sem a senha do aparelho. A prática dificulta o acesso às informações presentes. As informações são da jornalista Camila Mattoso.

Alvo da operação Akuanduba, Salles não foi encontrado nos endereços repassados para a PF no dia da deflagração, em 19 de maio, e por isso não teve seu aparelho celular apreendido. Apenas dezenove dias depois, o ministro entregou por conta própria.

A Constituição não obriga um investigado a entregar seu celular e nem produzir provas contra si. Porém, a postura do alvo é levada em consideração nas apurações.


A operação foi autorizada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, e visa combater um suposto favorcimento do ministério a empresários do setor de madeiras.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários