Vice-presidente Hamilton Mourã diz que é
Isac Nóbrega/PR
Vice-presidente Hamilton Mourã diz que é "não é simples achar uma pessoa" no "mato cerrado"

O vice-presidente Hamilton Mourão comentou, na manhã desta sexta-feira (18), sobre a operação das polícias de Goiás e do Distrito Federal na captura de  Lázaro Barbosa - serial killer de 32 anos de idade, que já dura 10 dias - e afirmou que a sua captura assemelha-se a "buscar leão na selva". As informações são do portal Metropoles.

"A polícia tem tropa especializada, principalmente na área em que ele está, de mato cerrado, não é simples você achar uma pessoa. Uma área larga, você tem de isolar. Primeiro, se faz um cerco longo, depois você vai dividindo por quadrante e vai vasculhando até achar o cara. É igual a buscar leão na selva, vai batendo mato, operação demorada", opinou o general Mourão.

Nesta sexta-feira (18), completou-se dez dias em que as os agentes de segurança de Goiás e do Distrito Federal estão na busca de Lázaro Barbosa.


Anderson Torres, o ministro da Justiça , entrou em contato com o secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, na última quinta-feira (18), e ofereceu ajuda federal para a resolução do caso. Com isso, a  Força Nacional de Segurança foi encaminhada e estará no entorno do Distrito Federal para que Lázaro seja capturado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários