Polícia potiguar investiga feminicídio no Rio Grande do Norte
Agência Brasil
Polícia potiguar investiga feminicídio no Rio Grande do Norte

Polícia Civil do Rio Grande do Norte investiga um possível caso de feminicídio que teria ocorrido no ultimo domingo (30), na cidade de Apodi. Segundo informações oficiais, uma mulher foi assassinada e seu marido levado às pressas a uma unidade hospitalar com um tiro na cabeça.

Adson Maia, delegado de plantão em Mossoró, relatou que a vítima trata-se de Celda das Neves Marinho Gomes, de 55 anos. O suspeito é de que o crime tenha sido cometido pelo esposo de Celda, um homem de 61 anos.

"Os familiares não sabem informar o que aconteceu. A nossa suspeita é que foi um feminicídio seguido de uma tentativa de suicídio", ressaltou Adson.

De acordo com informações policiais, a mulher apresentou marcas de tiro na nuca e na cabeça. O rapaz tinha uma marca de tiro na sua cabeça. Ela morreu, mas ele ainda respirava no momento em que familiares encontraram o casal dentro de sua casa.


O suspeito foi encaminhado ao Hospital Tarcísio Maia e encontra-se internado em coma. O projétil ainda está alojado em sua cabeça.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários