Mulher telefona para polícia, pede pizza e oficiais entendem pedido de ajuda
Reprodução
Mulher telefona para polícia, pede pizza e oficiais entendem pedido de ajuda

Polícia Militar recebeu uma ligação com um pedido inusitado na noite da última quinta-feira (28): um mulher, moradora de Andradina-SP, gostaria de uma pizza.

O cabo responsável pelo atendimento do Comando de Policiamento do Interior (Copom) entendeu que a ligação pudesse se referir a um pedido de socorro por parte da mulher e enviou uma equipe para averiguar a situação. Ao chegar no local, a suspeita se confirmou.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, o rapaz de 57 anos fugiu assim que os policiais se aproximaram. A mulher que realizou a ligação denunciou as agressões físicas, verbais e psicológicas que sofria pelo marido.

No depoimento à polícia , a vítima alegou que apanhou do agressor por mais de 20 anos e, desde que o mesmo saiu da prisão, as agressões retornaram com maior intensidade. Naquele dia, o homem teria ameaçado a mulher e os filhos de morte.


O suspeito das agressões segue desaparecido e foi dado como foragido pelos agentes de segurança.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários