Boulos e partidos de esquerda convocam atos contrários a Bolsonaro
Reprodução: iG Minas Gerais
Boulos e partidos de esquerda convocam atos contrários a Bolsonaro

Movimentos sociais e partidos políticos de esquerda estão promovendo atos contrários ao presidente  Jair Bolsonaro (sem partido) para o dia 29 de maio. Há o temor de racha no bloco de oposição por críticas quanto a aglomeração em meio a pandemia. As informações são do jornal A Folha de S.Paulo.

Entre as siglas envolvidas na promoção das manifestações , destacam-se o PT, PSOL, PC do B, PCB, PCO e a UP. Os grupos Brasil Popular e Povo sem Medo - coalizões que compõem outras entidades - junto da UNE (União Nacional dos Estudantes, o MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) e a CUT (Central Única dos Trabalhadores) participam das tratativas para a realização dos protestos.

Guilherme Boulos, ex-candidato do PSOL a prefeito de São Paulo, gravou um vídeo convocando os manifestantes a irem às ruas no próximo dia 29 de maio. "É difícil convocar mobilizações de rua num contexto de pandemia, mas hoje não temos outra alternativa. O governo mata mais que o vírus. Quem for, use máscara PFF2, garanta o distanciamento e vamos com muita disposição de arrancar esse genocida do poder". Confira:


Os atos foram discutidos por quase 200 representantes que concordaram em promover as manifestações de esquerda no último sábado do mês nas principais capitais e grandes cidades do Brasil, desde que os protocolos científicos de combate a pandemia sejam respeitados - como a obrigatoriedade do uso de máscaras, distanciamento dos manifestantes e oferta de álcool em gel aos participantes.


Os grupos irão manifestar apoio à CPI da Covid, solicitar maior agilidade no processo de aquisição e distribuição das vacinas e o retorno o auxílio emergencial de R$600. Outras pautas secundárias também estarão presentes como a não privatização de empresas estatais, a defesa da educação pública, o fim da violência polícial nos bairros periféricos e a luta antiracista.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários