Bolsonaro, porém, errou ao dizer que Kim Jong Um era ditador da Coreia do Sul - o correto seria Coreia do Norte
Reprodução
Bolsonaro, porém, errou ao dizer que Kim Jong Um era ditador da Coreia do Sul - o correto seria Coreia do Norte

O presidente  Jair Bolsonaro (sem partido) esteve na manhã desta sexta-feira (21) em Açailândia, no Maranhão, para entregar títulos de propriedade de terra para moradores locais. Durante discurso, aproveitou para atacar Flávio Dino (PCdoB), o governador do estado, ao chamá-lo de "gordinho ditador" eo comparar a Nicolás Maduro e Kim Jong Un - presidente da Venezuela e líder da Coreia do Norte, respectivamente.

"Lá na Coreia do Sul tem uma ditadura. O ditador não é um gordinho? Na Venezuela, também é uma ditadura. Não é um gordinho, lá, o ditador? E quem é o gordinho ditador aqui do Maranhão?", questionou Jair Bolsonaro se referindo a Flávio Dino.

Bolsonaro , porém, errou ao dizer que a Coreia do Sul seria uma ditadura. O correto seria Coreia do Norte.


As declarações foram um 'reforço' ao que Bolsonaro já havia dito em transmissão nas suas redes sociais. Na noite da última quinta-feira (20), o presidente já havia atribuído ao governador do Maranhão adjetivo de "ditador".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários