Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente
Reprodução: iG Minas Gerais
Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente

BRASÍLIA — O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, afirmou que a  operação da Polícia Federal (PF) da qual foi alvo nesta quarta-feira (19) foi "exagerada" e "desnecessária".

"Fazendo aqui uma manifestação de surpresa com essa operação que eu entendo exagerada, desnecessária. Até porque todos, não só o ministro, estiveram sempre à disposição para esclarecer quaisquer questões",disse o ministro, na saída de um evento em Brasília.

Você viu?

De acordo com Salles, o relator do inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, foi "induzido ao erro".

"O Ministério do Meio Ambiente atua sempre com bom senso, respeito às leis, respeito ao devido processo legal. Entendemos que esse inquérito foi instruído de uma forma que acabou induzindo o ministro relator a erro."

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários