Alexandre de Moraes é o recordista de pedidos de impeachment no Senado
Rosinei Coutinho/SCO/STF
Alexandre de Moraes é o recordista de pedidos de impeachment no Senado

Após a decisão do ministro Luis Roberto Barroso, do  Supremo Tribunal Federal (STF), para que a CPI da Covid - que cumpria todos os requisitos por lei - fosse instaurado, o debate sobre a continuidade de juízes da Suprema Corte foi esimulado por membros do governo Jair Bolsonaro .

Tramitam no Senado Federal hoje dez pedidos de impeachment para ministros do STF. O recordista nos pedidos de interrupção é Alexandre de Moraes , com sete solicitações - seis específicos contra o juíz e um que reúne todos os 11 membros da Suprema Corte.

Gilmar Mendes e Cármem Lúcia possuem dois pedidos casa que pedem a interrupções de seus mandatos.

Desde 2008, foram 65 pedidos de impeachment contra ministros do Supremo Tribunal Federal, sendo 55 destes indeferidos . Alguns destes pedem a destituição de dois ou mais ministros.

Com 24 pedidos no total, Moraes é o recordista. Dias Toffoli é o vicê campeão com 14 pedidos e Barroso fecha o pódio com sete solicitações. Lewandowski , com seis; Marco Aurélio e Fachin, com cinco; Cármen Lúcia e Fux, com três; Rosa Weber, com dois; e Nunes Marques com apenas um completam o histórico de pedidos.


Os ex-ministros Celso de Mello, com três petições; e Joaquim Barbosa, com um pedido, completam a lista.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários