Julio Lancellotti critica reabertura das igrejas e diz que Justiça é
Reprodução
Julio Lancellotti critica reabertura das igrejas e diz que Justiça é "enviesada"

Na manhã deste domingo (04), durante missa com transmissão on-line, o padre Julio Lancellotti teceu duras críticasdecisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Nunes Marques , de reabrir os templos e igrejas para a celebração da Páscoa. Assista o trecho:


Julio inicia sua fala e reitera que é um momento emergencial ao dizer que é " terrível perceber como a nossa Justiça é enviesada ". Ao citar a decisão de Nunes Marques, o padre argumenta que a "essencialidade da liberdade religiosa é o testemunho , e não ir ao templo".

Em seguida, Lancellotti sobe o tom e crítica aqueles que "vão no templo e não testemunham Jesus , mas testemunhar o cofre e o lucro ". Segundo o padre, o " testemunho de Jesus, hoje, é garantir proteção social para o povo. Garantir vacina massiva para o povo. De 1 milhão a 3 milhões de vacinados por dia".


Lancellotti finaliza sua manifestação ao dizer que dar o seu testemunho é ser testemunha na vida, e que a ida a igreja ou ao templo religioso é uma manifestação e não o testemunho em si .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários