Prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes
Beth Santos/PCRJ
Prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes

Nesta segunda-feira (22), o governador em exercício do Rio, Claudio Castro concedeu uma entrevista para o blog do Edimilson Ávila e falou sobre um "superferiadão" que ainda será divulgado em uma edição extra Diário Oficial.

Neste decreto, estabelecimentos como bares e restaurantes poderão ficar abertos até as 23h em um feriado que começa nesta sexta-feira (26) e vai até o domingo de páscoa (04). O comércio também está liberado e as escolas deverão permanecer fechadas durante período.

O prefeito Eduardo Paes, comentou em suas redes sociais agora pouco sobre as medidas pensadas pelo governador em exercício. Paes se refere as novas regras como "Castrofolia" e compara manter restaurantes e bares abertos a uma micareta.

Também manhã desta segunda-feira (22), o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes , se reúne com o prefeito de Niterói, Axel Grael , para definirem em conjunto novas medidas restritivas contra a Covid-19 . Em uma rede social, Paes publicou uma foto do encontro, que conta com a presença dos comitês científicos que assessoram os prefeitos.

Na postagem, escreveu: "Reunião dos comitês científicos do Rio e Niterói nesse momento com a presença do prefeito Axel Grael. Aqui ninguém toma decisão de 'orelhada' ou por achismos".

Você viu?

Nesta manhã, Paes disse que ficou frustrado após reunião com o governador em exercício Cláudio Castro no domingo (21). O Estado determinou a realização de um feriado de dez dias, e não houve consenso sobre o que deveria abrir ou fechar na cidade.

"O governador combinou comigo e com o prefeito de Niterói que buscaríamos um consenso (sobre as medidas de restrição) e só então levaríamos uma única proposta para a sociedade. Não foi o que ele fez", afirmou.

Foi remarcada para 17h uma entrevista coletiva entre os dois prefeitos reunidos nesta manhã. Agora as decisões tomadas por ambos serão anunciadas no Teatro Popular Oscar Niemeyer, em Niterói.




    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários