Marco Aurélio diz que decisão de Fachin é 'péssima' para o judiciário brasileiro
Reprodução: iG Minas Gerais
Marco Aurélio diz que decisão de Fachin é 'péssima' para o judiciário brasileiro

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF)  Marco Aurélio Mello  afirmou que o sentimento sobre a decisão do ministro Edson Fachin de anular as condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na Lava Jato é de "perplexidade generalizada".

"Fiquei surpreso de voltar-se à estaca zero depois de as ações serem julgadas, de haver pronunciamento do TRF, do STJ. Vamos aguardar para ver os desdobramentos, se terá ou não a impugnação a essa decisão", disse o ministro, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Sobre a parcialidade da operação Lava Jato, Marco Aurélio comentou que "agora, que a resposta seja a partir da legislação de regência, não se chegando a transformação do juiz Sergio Moro de mocinho em bandido. Foi um grande juiz. Pena ele ter virado às costas à cadeira de juiz para assumir um cargo de auxiliar do presidente da República".

Decisão de Fachin 

O ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF, decidiu, nesta última segunda-feira (8), anular todos os processos envolvendo o ex-presidente Lula no âmbito da força-tarefa em Curitiba. Na prática, essa medida torna o petista elegível para a próxima eleição.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários