Bolsonaro exibe caixa de cloroquina; presidente sempre fez lobby pelo uso do fármaco, mesmo com diversos estudos comprovando que este não tem eficácia para tratar Covid-19, além de causar diversos efeitos colaterais
O Antagonista
Bolsonaro exibe caixa de cloroquina; presidente sempre fez lobby pelo uso do fármaco, mesmo com diversos estudos comprovando que este não tem eficácia para tratar Covid-19, além de causar diversos efeitos colaterais

O Tribunal de Contas da União (TCU) deu 15 dias para o Ministério da Saúde e o exército explicarem a produção e a distribuição de cloroquina  — remédio  comprovadamente ineficaz para o tratamento de doentes com Covid-19.

O ministro Benjamin Zymler , do TCU, pede informações sobre os critérios de distribuição de comprimidos do fármaco para os estados, DF e municípios e sobre a guarda, fracionamento e distribuição dos 3 milhões de unidades do medicamento recebidos por doação do governo dos EUA.

Zymler também pede que o Comando do Exército apresente informações sobre a compra de insumos para a fabricação do remédio. As informações são da CNN Brasil .

O TCU busca entender quantidade comprada e por que foi dispensada a licitação para a aquisição dos insumos. Além disso, o órgão pede explicações sobre a relação entre o Ministério da Saúde com o exército para a produção e distribuição em massa de cloroquina no país.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários