Loja vistoriada ligada a milícia que foi investigada pelas autoridades na investigação
Reprodução
Loja vistoriada ligada a milícia que foi investigada pelas autoridades na investigação

Nesta quinta-feira (11), no Rio de Janeiro , uma força-tarefa foi executada e 13 pessoas foram presas por estarem envolvidas em um braço financeiro da milícia no Terreirão, Zona Oeste da cidade. As informações foram apuradas pelo G1. 

Agentes de várias delegacias buscam erradicar comércios e serviços ilegais criados por esses grupos com o intuito de extorquir e amedrontar a população.

Os crimes investigados são: 

- cobranças irregulares de taxas de segurança e de moradia; 

- instalações de centrais clandestinas de TV a cabo e de internet 
armazenamento e comércio irregular de botijões de gás e água; 

Você viu?

- empresas de GNV ilegais; 

- parcelamento irregular de solo urbano; 

- exploração e construções irregulares , areais e outros crimes ambientais; 

- comercialização de produtos falsificados e contrabando 
transporte alternativo irregular; 

- estabelecimentos comerciais explorados pela milícia e utilizados para lavagem de dinheiro. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários