César nasceu com três braços e apenas parte do coração
Reprodução
César nasceu com três braços e apenas parte do coração

No último mês de agosto, a família do pequeno César foi surpreendida durante seu nascimento: diferentemente do que apresentava seu pré-natal, ele nasceu com um braço extra e apenas metade do coração, além de outro problemas clínicos. Desde então, teve que enfrentar cinco cirurgias corretivas.

Segundo informações do portal G1, o caso ocorreu na cidade de Praia Grande, no litoral do estado de São Paulo. Em entrevista, a mãe do recém-nascido, Michelle Aparecida Pereira Fondos, de 38 anos, disse que os exames feitos durante a gestação não apontavam qualquer tipo de anomalia.

"A primeira pergunta que eu faço aos médicos é quanto tempo de vida ele tem. Mas, ninguém sabe ou pode me responder", lamentou Michelle. Ela lembrou que o marido foi o primeiro a perceber que havia algo de errado com o filho: "me disse que tinha alguma coisa pendurada. No início, achei que era o cordão umbilical, mas depois vimos que era o braço".

Ainda de acordo com a publicação, o braço extra, apesar de ter sistema nervoso e ossos, é imóvel. A suspeita dos médicos é que Cesar tenha sido o resultado de gêmeos siameses e que um organismo tenha combatido o outro. 

No último dia 20 de janeiro, o bebê recebeu autorização para voltar para casa com a família após cinco meses de internação na UTI da Beneficiência Portuguesa. Agora, deverá manter o acompanhamento médico para definir sobre a possibilidade de retirada do membro extra.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários