sari
Reprodução / TV Globo
Sarí é indiciada pelo crime de abandono de incapaz com resultado em morte


A primeira-dama de Tamandaré, Sarí Corte Real, é indiciada por abandono de incapaz que culminou na morte do menino Miguel Otávio, de 5 anos , filho da sua empregada Mirtes. A primeira audiência de instrução e julgamento deve ouvir Sarí no dia 3 de dezembro . A data foi confirmada pelo Tibunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), por meio da 1ª Vara de Crimes conta a Criança e o Adolescente da Capital.


Na audiência, Sarí será interrogada e as testemunhas indicadas pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e pela defesa serão ouvidas. A mãe de Miguel e ex-funcionária da acusada, Mirtes Renata , publicou em suas redes sociais agradecendo o apoio à campanha realizada por ela para pressionar o TJ pelo agendamento da data da audiência.

"Venho agradecer a cada um que participou dessa campanha pedindo para que o pessoal da secretaria marcasse a audiência de Miguel . Quero agradecer a todos aqueles que enviaram e-mail, compartilharam, obrigada de coração a todos. Que Deus abençoe a cada um e vamos juntos em busca de justiça por Miguel ", disse, em um vídeo.

Segundo Pedro Avelino, advogado de Sarí, ele e a acusada não foram informados sobre a data da primeira audiência e só descobriram em que dia será realizada por causa da imprensa. " Causa espanto para nós saber do andamento do processo em segredo de justiça pela imprensa", disse.


    Veja Também

      Mostrar mais