carros de bombeiro socorrendo pessoas
Corpo de Bombeiros de São Paulo/divulgação
Caso ocorreu no bairro Jardim Paulista em São Paulo

Após horas de negociação com a polícia, um morador de um prédio de luxo no bairro dos Jardins, em São Paulo, foi preso por  jogar propositalmente um produto químico contra trabalhadores que faziam obra em um apartamento vizinho na tarde desta segunda-feira (10).

Segundo o Corpo de Bombeiros, o homem, identificado como Wilson Moreira, que mora no 16º andar do edifício, estava irritado com o barulho que vinha da obra, no 17º andar. Ele foi até o local e jogou gás de pimenta em forma de spray contra os ocupantes do apartamento.

Imediatamente, quatro trabalhadores desceram passando mal de elevador. Em entrevista à TV Globo, funcionários do prédio afirmaram que a força do ataque foi tão grande que chegou a ser sentida no térreo do edifício.

Quatro trabalhadores passaram mal e três deles precisaram ser socorridos ao Incor. Eles passam bem e afirmaram que eram ameaçados pelo homem desde o começo das obras, há cerca de dois meses.

O economista responsável pelo ataque já tinha histórico de reclamações no condomínio, tinha realizado um ataque semelhante anteriormente e tem um boletim de ocorrência registrado contra ele.

Ele foi encaminhado à 78ª Delegacia de Polícia, onde assinou termo circunstanciado por lesão corporal, por portar droga em casa e expor a saúde de outros a perigo eminente e foi liberado em seguida.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários