Além do machado%2C o homem usou um facão e até mesmo uma flecha para ameaçá-lo
Foto: Divulgação/Polícia
Além do machado, o homem usou um facão e até mesmo uma flecha para ameaçá-lo

Um garoto de apenas 11 anos foi mantido refém pelo próprio pai sob a mira de um machado no município de Angelândia, na região do Vale do Jequitinhonha. Além do machado, o homem usou um facão e até mesmo uma flecha para ameaçá-lo.

De acordo com o Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), o homem, que não teve a identidade divulgada, estava em surto psicótico e sequestrou o filho por seis horas, no sábado (25).

Uma equipe do BOPE viajou até a cidade em um avião para apoiar as negociações pela libertação da criança. Os militares conseguiram resgatar o menino e deteram o pai dele, um homem de 47 anos.

A denúncia foi feita pelos moradores da região, de que o pai estava mantendo o próprio filho como refém em uma casa no centro da cidade. Não há detalhes de como aconteceu a operação do BOPE de socorro à criança, mas a polícia informou que foi necessária intervenção para que o menino fosse resgatado e o pai detido.

O suspeito foi encaminhado ao Hospital Galba Veloso, em Belo Horizonte, onde está agora em tratamento psiquiátrico. A polícia informou ainda o pai do menino tinha problemas pessoais e profissionais que teriam causado a ele distúrbios psicológicos.

    Veja Também

      Mostrar mais