Polícia Minas Gerais
Roberto Casimiro/Fotoarena/Agência O Globo
Crime foi descoberto na última sexta-feira (24).

O homem de 30 anos que é suspeito de matar, esquartejar e esconder o corpo da própria mãe dentro de uma mala em Belo Horizonte teria pago R$ 50 para que um motorista transportasse a mala para o local em que o corpo foi encontrado.

Segundo a polícia, as autoridades conseguiram identificar o carro que deixou o corpo no local utilizando imagens de um circuito de câmeras de segurança. O carro tinha uma propaganda e permitiu que os policiais chegassem até o motorista.

À polícia, ele disse que foi procurado por um vizinho que pediu pelo serviço no valor de R$ 50. As autoridades dizem ainda que o suspeito transportou a mala com o corpo para dentro do veículo.  A delegada responsável pelo caso disse que, segundo o motorista, o contratante pediu para que ele deixasse a mala no local.

O crime foi descoberto na última sexta-feira (24). Até o momento, a cabeça da vítima não foi encontrada pelas autoridades.

    Veja Também

      Mostrar mais