Enterro de vítima da Covid-19 no Cemitério do Caju, na Zona Portuária do Rio
Roberto Moreyra / Agência O Globo
Enterro de vítima da Covid-19 no Cemitério do Caju, na Zona Portuária do Rio

Os cartórios brasileiros registraram a maior quantidade de óbitos na história do país em maio. Das 123 mil declarações de óbitos arquivadas, 24 mil pessoas morreram de Covid-19 no último mês. Pelo atraso no registro de alguns óbitos causados pela doença, o número pode ficar ainda maior.

Leia mais:

Em relação a maio de 2019, o mês passado apresentou alta de 13,1% no número de mortes. Segundo o Ministério da Saúde, 14 mil pessoas morreram de pneumonia e 4,8 mil morreram de síndrome respiratória aguda grave. Regiões que sofrem com a falta de testes costumam registrar mortes por Covid-19 de ambas as formas.

O Brasil registra 1,2 milhão de infectados pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2), com 54 mil mortes causadas pela Covid-19. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários