homem pálido e sério
Divulgação
Queiroz foi preso na última quinta-feira (18)

A primeira foto de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro, após dar entrada na penitenciária Bangu 8, no Rio de Janeiro, foi divulgada nesta terça-feira (23), cinco dias após a prisão do policial militar aposentado na cidade de Atibaia, em São Paulo.

Na imagem, é possível ver Queiroz com aparência pálida, abatida e séria. “A todo tempo ele está cabisbaixo. Tem se mostrado muito abatido, assustado e com muito receio de a esposa ser presa”, destacou o servidor de Bangu 8.

Leia também

De acordo com o agente, o ex-assessor de Flávio Bolsonaro tem acompanhado tudo pela televisão, que fica na biblioteca.

Queiroz ocupa uma cela com seis metros quadrados com uma cama, chuveiro, vaso sanitário e pia na Cadeia Pública Pedrolino Werling de Oliveira, dentro do Complexo de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio. Na cela do ex-assessor, não há TV. O ex-PM possui direito a banho de sol durante duas horas por dia num pequeno pátio.

Isolado por prevenção à Covid-19, Queiroz tem permanecido em silêncio na prisão e um dos raros momentos de interação nos últimos dias foi quando pediu um livro de autoajuda para Wilson Carlos, ex-secretário de Sérgio Cabral e operador do esquema de propinas do governo do estado.

    Veja Também

      Mostrar mais