Médico analisando teste para Covid-19
Agência Brasil
Testes são realizados em baixa escala no Brasil

O Ministério da Saúde quer começar a diagnosticar pacientes com Covid-19 sem realizar os testes para verificar a contaminação para o novo coronavírus (Sars-CoV-2). Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo , a pasta intensificou as conversas com os secretários estaduais e municipais sobre esse assunto por conta da falta de um programa amplo de testagem realizado pelo governo federal.

Leia também:

Com essa mudança, médicos e autoridades sanitárias de saúde poderiam notificar o caso de infecção pelo novo coronavírus por meio do histórico de exposição ao vírus e da análise dos sintomas e com exames ambulatoriais mais simples. Esses exames seriam radiografias e tomografias. Desse modo, não haveria aplicação de testes.

Segundo essa nova estratégia de testagem, apenas para uma parcela dos brasileiros fariam os testes, sendo que os profissionais da saúde e gestores fariam isso por amostragem.

A proposta já era discutida desde a gestão do ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, mas ela foi retomada. Na segunda-feira (15) haverá um reunião da pasta com o Conass (Conselho Nacional de Secretários de Saúde) e o Conasems (Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde). Caso haja entendimento entre os envolvidos, uma nota técnica com a nova diretriz será publicada em breve.

    Veja Também

      Mostrar mais