Em coletiva realizada nesta terça-feira (19) pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, o ministro Marcos Pontes afirmou que caso tenha sintomas de Covid-19, aceitaria ser cobaia em teste com nitazoxanida (anitta).

Ministro Marcos Pontes está otimista com testes clínicos com Nitazoxanida
reprodução / TV Brasil
Ministro Marcos Pontes está otimista com testes clínicos com Nitazoxanida

"Eu estou em uma expectativa muito grande destes testes. São testes com um medicamento que não tem efeitos colaterais, é um medicamento simples", disse o ministro.

Leia mais: Brasil tem 5,1 milhões de lares em áreas  prejudiciais para o isolamento social

O remédio se mostrou eficiente contra o novo coronavírus (Sars-Cov-2) em testes preliminares "in vitro". Agora, passará por duas fases de testes em humanos, cada uma em 500 pacientes.

A primeira incluirá pacientes com sintomas como tosse, febre, pneumonia ou cujo exame mostre pulmão turvo. Já a segunda fase será realizada em pacientes com sintomas leves.

Veja também: Hospitais de campanha do RJ só terão respiradores em metade dos leitos

Até o momento, são 17 hospitais que participam dos ensaios clínicos com a nitanoxanida. São eles

  • São Paulo: Hospital da Força Aérea de São Paulo, Hospital das Clínicas Luiza de Pinho Melo, Complexo Hospitalar Municipal de São Caetano do Sul, Hospital Municipal de Barueri, Hospital regional de Sorocaba, Hospital geral de São Mateus
  • Brasilia: Hospital das Forças Armadas, Hospital Regional da Asa Norte, 
  • BH: Santa Casa de Misericórdia, Hospital Mater Dei S.A
  • Recife: Hospital das clínicas UFPE
  • Manaus: Complexo Nacional Milton Lins
  • Curitiba: Complexo do trabalhador de Curitiba
  • Rio de Janeiro: Hospital Central da Aeronáutica, Hospital Naval Marcílio Dias, Hospital Universitário Pedro Ernesto, Hospital da Força Aérea do Galeão.

    Veja Também

      Mostrar mais