Homem tendo a pressão aferida
GlobalStock/GettyImages/CreativeCommons
Região Sudeste é o epicentro da Covid-19 no Brasil

Uma projeção do governo de São Paulo prevê que o número de casos confirmados da Covid-19 no estado vão chegar a 100 mil ainda neste mês de maio. A previsão foi feita no mesmo dia que os casos confirmados chegaram a 47.711 e as mortes, a 3.949, segundo o secretário estadual da Saúde, José Henrique Germann.

Nesta segunda-feira (11) o governo estadual divulgou a morte da quarta criança em decorrência de infecção pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2). A vítima tinha quatro anos e morava em Francisco Morato, na Grande São Paulo.

De acordo com autoridades sanitárias, a taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTIs) no estado de São Paulo está em 69,1%. Na Grande São Paulo, esse índice é de 85,7%.

Leia também: OMS faz novo alerta a países que divulgam ações de flexibilização

Apesar da redução de 3,9 pontos percentuais em relação a esta segunda-feira, quando estava em 89,6%, a queda não significa que mais pessoas tiveram alta. Isso ocorreu porque houve uma ampliação de cerca de 100 novos leitos no sistema.

Atualmente estão internados em leitos de UTI 3.720 pacientes. Outros 5.815 ocupam enfermarias.

Nas últimas semanas, a avaliação é de que as taxas de isolamento social no estado estão abaixo do desejado. Com o avanço da doença, os percentuais chegaram a 47,8% no interior e 49% na região metropolitana.

    Veja Também

      Mostrar mais