Wilson Witzel
DIVULGAÇÃO/GOVERNO DO RIO DE JANEIRO
Witzel estuda a possibilidade de implantar lockdown

O governador Wilson Witzel (PSC) prorrogou por mais 20 dias as medidas de prevenção e enfrentamento à propagação do novo coronavírus em todo o Rio de Janeiro. A informação foi publicada pelo Blog do Camarotti, do portal de notícias G1 . A validade do decreto anterior venceria na próxima segunda-feira. Agora, portanto, se estende até 31 de maio.

Leia também: Rio chega a 1,5 mil mortes por Covid-19 e capital registra 109 óbitos em um dia

Witzel formou um grupo de estudos sobre possibilidade de endurecer as medidas de isolamento e impor lockdown no estado, com previsão de entrada e saída.

Ao blog, o secretário da Casa Civil do Estado, André Moura, falou sobre o lockdown : "A saúde é mais importante. Economia você recupera. Se for necessário, vamos aplicar (o lockdown), mas não neste momento, porque as medidas de isolamento já são muito duras e vamos aumentar a fiscalização para cumprimento das medidas de isolamento".

Leia também: Pacientes morrem após hospital referência para coronavírus, ficar sem luz

Ainda de acordo com as informações publicadas pelo jornalista Gerson Camarotti, o governo do estado, o Rio de Janeiro deve perder R$ 10,6 bilhões em arrecadação com Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e R$ 4 bilhões com royalties neste ano em razão da pandemia de coronavírus.

    Veja Também

      Mostrar mais