Jair Bolsonaro, presidente do Brasil
Foto: osé Dias/PR
Jair Bolsonaro, presidente do Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi alvo de novo panelaço durante pronunciamento na tarde desta sexta-feira (24). O protesto acontece após o anúncio da demissão do agora ex-ministro Sérgio Moro.

Regiões de São Paulo, Salvador, Recife, Rio de Janeiro e outras capitais registraram panelaços e gritos contra o presidente. Além de bater panelas, pessoas gritavam "Fora, Bolsonaro".

Leia também: No Whatsapp, Moro teria provas dos crimes que atribui a Bolsonaro

Na manhã desta sexta-feira, Moro falou em entrevista coletiva sobre a saída do cargo após a exoneração de Maurício Valeixo do comando da Polícia Federal.

Os panelaços contra o presidente começaram no dia 17 de março e coincidem com o início da fase mais aguda das medidas de quarentena pelo País contra o novo coronavírus.

Uma das mais recentes ocorreu após a saída do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. Nesta sexta-feira, o movimento também ocorreu logo após o fim do pronunciamento de Moro, que começara às 11h.

Confira:






    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários