Mulher confessou que mentiu sobre crime
Agência O Globo
Mulher confessou que mentiu sobre crime


Uma mulher prestou queixa afirmando ter sido sequestrada e torturada por traficantes do morro da 18, no Rio de Janeiro. Mas policiais da 18ª DP (Praça da Bandeira) descobriram que a mulher, empresária de 36 anos que está grávida , mentiu sobre o sequestro para extorquir o ex-marido policial militar.

Os policiais descobriram a farsa na tarde de quinta-feira (16), a mulher contou à polícia que foi sequestrada por um bandido armado na Rua São Francisco Xavier, próximo ao Colégio Militar, no Maracanã, na Zona Norte e levada à comuidade Água Santa onde diz ter sido torturada por duas horas.

Leia também: "Drone falante" que pede a cariocas que evitem aglomerações reúne curiosos

A mulher estava na verdade reunida com uma amiga e namorado dela na casa do namorado que se passou por sequestrador para exigir R$ 10 mil ao marido em troca da liberdade da ex-mulher. 

A grávida foi autuada por falsa comunicação de crime e extorsão e a amiga foi acusada de extorsão, já que os políciais descobriram que ela participou ativamente do crime. A amiga delatou a farsa.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários