Maria Eduarda havia desaparecido em praça de Duque de Caxias, no Rio
Reprodução/redes sociais
Maria Eduarda havia desaparecido em praça de Duque de Caxias, no Rio

Foi encontrada no início da tarde desta segunda-feira (9)  Maria Eduarda de Azevedo da Silva , de nove anos, que havia desaparecido na noite de domingo na Praça do Galo, em Duque de Caxias , na Baixada Fluminense. Segundo familiares, a menina foi resgatada por policiais na Rodovia Washington Luiz, no mesmo município.

Leia mais: Prefeitura de São Paulo abre cadastro para fornecimento de uniforme escolar

Segundo testemunhas, a criança teria sido levada da praça por um homem desconhecido. A mãe da menina, Etyene Azevedo, de 26 anos, estava no local com a filha. Segundo ela, Maria Eduarda brincou com a irmã de dez meses em um pula-pula, depois levou a caçula no colo até onde Etyene estava sentada e em seguida retornou para o mesmo brinquedo sozinha. Alguns minutos depois, quando foi chamar a filha para ir embora, a mãe não a encontrou no local.

"Foi tudo muito rápido. As pessoas que estavam por ali me disseram que ela foi levada por um homem e que chorava enquanto ele a segurava pelo braço. Ele chegou a dizer que era o pai dela. Descreveram esse homem como branco, com um sinal no rosto, aparentando ter 50 anos", relata Etyene.

Leia também: Menina de nove anos desaparece enquanto brincava em praça em Duque de Caxias

A família vive no bairro Parque Afonso, em Belford Roxo, a pouco mais de três quilômetros de onde ocorreu o desaparecimento. O caso é investigado pela 60ª DP (Campos Elíseos).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários