Glenn Greenwald
Agência Pública
Jornalista Glenn Greenwald

A Justiça Federal rejeitou a denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o jornalista Glenn Greenwald. Na decisão, o juiz Ricardo Leite citou a liminar deferida pelo ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que impede que os órgãos de investigação responsabilizem Greenwald pela “recepção, obtenção ou transmissão de informações publicadas em veículos de mídia”. Segundo o magistrado, é necessário aguardar o desfecho do caso na Corte.

Leia mais: New York Times diz que acusação a Glenn Greenwald é "ataque à imprensa livre"

“Exsurge, neste contexto, dúvida razoável sobre se a decisão impede a denúncia ofertada pelo Ministério Público Federal em relação ao mencionado jornalista , razão pela qual há que se ter cautela na instauração de ação penal em seu desfavor”, escreveu o juiz.

Leia também: Bolsonaro diz a STF que não cometeu ato ilícito contra Glenn

“Deixo de receber, por ora, a denúncia em desfavor de Glenn Greenwald , diante da controvérsia sobre a amplitude da liminar deferida pelo Ministro Gilmar Mendes na ADPF nº 601, em 24/08/2019”. A Justiça recebeu a denúncia e transformou em réus os outros seis acusados pelo MPF.

    Veja Também

      Mostrar mais