Atropelamento arrow-options
Reprodução
Bebê, de apenas um ano, acabou não resistindo aos ferimentos e morreu

Maria Janaína dos Santos Lopes, de 32 anos, e seus dois filhos, Maria Luiza dos Santos Lopes, de 1, e um menino, de 7, foram atropelados no Itanhangá , na Zona Oeste do Rio , na noite deste domingo. A menina não resistou aos ferimentos. Maria Janaína está internada no Hospital estadual Getúlio Vargas, na Penha, na Zona Norte, com traumatismo craniano. O estado de saúde dela é grave. O menino se encontra no Hospital municipal Miguel Couto, em estado estável.

Leia também: Em nota, MBL critica "trabalho lamentável" de Weintraub e pede saída do ministro

O motorista atropelador foi preso e indiciado na 16ª DP (Barra da Tijuca) por lesão corporal culposa qualificada e homicídio culposo (quando não há intenção de matar), segundo a Polícia Civil. A corporação informou ainda que ele foi encaminhado para a audiência de custódia. A delegacia pediu à Justiça a prisão preventiva do motorista.

Uma câmera de um posto de gasolina perto do local do atropelamento mostra o momento em que um grupo de pessoas atravessa a Estrada da Barra da Tijuca, no trecho perto do acesso ao Morro do Banco. Logo em seguida é possível ver um carro de cor clara passando e atingindo mãe e filhos — o momento não está no vídeo por ser muito forte.

O motorista não parou para prestar socorro após o atropelamento . O carro foi perseguido e parado por motociclistas.

Leia também: Petistas admitem que abrem mão da Prefeitura por pré-candidatura de Haddad

    Veja Também

      Mostrar mais