Senador Zequinha Marinho fez acusações contra agentes do Ibama
Reprodução/Twitter
Senador Zequinha Marinho fez acusações contra agentes do Ibama


O senador Zequinha Marinho (PSC-PA) divulgou um vídeo em que aparece acusando, sem provas, servidores do Instituo Brasileiro de Meio Ambiente (IBAMA) de queimar veículos e casas na Vila Mocotó , no munícipio de Senador José Porfírio, no Pará. Segundo Marinho, a ação foi realizada durante operação que apreendeu 5 mil litros de combustível clandestino, com o apoio da Polícia Militar e do Corpos de Bombeiro .

“O papel do Ibama é fiscalizar, mas queimar carro, moto, bicicleta, casa, isso não é função do Ibama, e nós precisamos apurar isso de forma minuciosa e detalhada. Eu falei para o Helder (Barbalho, governador do Pará) que nós não podemos, através da polícia do Pará, dar cobertura a servidor bandido e malandro, como esse pessoal do Ibama, que, ideologicamente comprometidos, fazem o que estão fazendo na região. Nós vamos correr atrás para processar essas pessoas”, disse o senador, que também relatou o caso ao presidente do Ibama, Eduardo Bim.

Quando o combustível foi apreendido, moradores da região ligados ao trabalho rural se revoltaram e tentaram impedir que os agentes do Ibama e das forças de segurança deixassem o local. Para isso, fecharam uma estrada, derrubaram árvores e incendiaram uma ponte.

Você viu?

Leia também: Após recusar ajuda, Brasil cogita pedir dinheiro a países ricos para a Amazônia

Terra Indígena devastada

De acordo com o Ibama , o combustível apreendido era utilizado por ruralistas no abastecimento de máquinas usadas para práticas de desmatamento ilegal. A Terra Indígena (TI) de Ituna Itatá , localizada na região, teve mais de mil hectares de floresta desmatados apenas em janeiro de 2020,segundo dados do Ministério Publico Federal (MPF) .

No ano passada, a TI foi a mais desmatada do Brasil, correspondendo a 13% do total da devastação no país. De acordo com o MPF, as terras já foram apossadas por grileiros que as utilizam para criação ilegal de gado.

Zequinha Marinho , no entanto, não reconhece os direitos de Ituna Itatá. “Eu disse ao presidente do Ibama que não é função do Ibama fazer ‘desintrusão’ de terra indígena. Ituna Itatá é uma pretensa terra indígena, o que é muito chato”, diz o senador no vídeo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários