Homem pensando arrow-options
Agência Pública
Glenn Greenwald foi denunciado pelo MPF

O Ministério Público Federal denunciou na manhã desta terça-feira (21) o jornalista Glenn Greenwald e outras seis pessoas por invasão de celulares e associação criminosa em crimes relacionados à Operação Spoofing .

De acordo com a denúncia, o jornalista e outras pessoas auxiliaram e orientaram o grupo que hackeou aparelhos de 176 autoridades brasileiras. O vazamento dessas informações foi veiculado em reportagens do portal The Intercept, do qual Glenn é fundador.

Leia também: Augusto Nunes diz que bateria em Glenn Greenwald de novo: "Não peço desculpas"

A denúncia contra Glenn ocorre mesmo sem que o jornalista tenha sido investigado ou indiciado pela Polícia Federal, já que uma liminar expedida pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes proibiu a investigação contra ele baseado no sigilo à fonte jornalística.

Ainda assim, de acordo com documento do MPF , "ficou comprovado que ele auxiliou, incentivou e orientou o grupo durante o período das invasões". O jornalista não se pronunciou até o momento.

    Veja Também

      Mostrar mais