Tânia Rego/Agência Brasil
"A Petrobras lamenta profundamente o acidente e está dando todo o apoio às famílias"


Uma menina de 11 anos morreu neste domingo (15) ao tentar resgatar um colega que havia ficado preso em um cavalo mecânico, um modelo de carreta, ao cair do equipamento que pertencia a Petrobras. O acidente ocorreu na unidade de Divina Pastora da estatal, que fica interior do Sergipe.

Leia também: UDN: partido extinto há 54 anos pode voltar em dose dupla

A garota havia ficado presa na ferragem e acabou caindo. Equipes de ambulância chegaram a realizar socorro, mas a ela não sobreviveu. Segundo médicos do Instituto Médico Legal (IML) de Sergipe, a menina teve sinais de ação contundente e politraumatismo. O menino sofreu arranhões, mas teve alta após avaliação médica.

Por meio de nota, a Petrobras disse que "lamenta profundamente o acidente e está dando todo o apoio às famílias". "As crianças entraram em um espaço cercado com grade de proteção e sinalizado como área de risco. As causas do acidente estão sendo apuradas e serão divulgadas assim que possível", diz o comunicado da empresa.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários