Tamanho do texto

Segundo os deputados, Crivella está utilizando veículos oficiais da Prefeitura para promover sua gestão e fazer alusão ao número de seu partido, o PRB

Crivella arrow-options
Tânia Rêgo/Agência Brasil
Marcelo Calero e Pedro Paulo denunciam Crivella.

Os deputados federais Marcelo Calero (Cidadania-RJ) e Pedro Paulo (DEM-RJ) denunciaram, nesta segunda (2), o prefeito do Rio de Janeiro Marcelo Crivella (PRB) ao Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e à Procuradoria Regional Eleitoral (PRE). 

Leia também: 'Galã' do PCC vai para presídio federal após informações sobre plano de fuga

Segundo os deputados, Crivella está antecipando propaganda eleitoral, que só pode ser realizada próxima às eleições, e usando veículos de comunicação da Prefeitura para se promover. 

Eles afirmam que os veículos oficiais estão se afastando "do caráter educativo, informativo ou de orientação social”. Como exemplo, citam publicação que utilizam o slogan “Nota 10” para falar do atual gestão, afirmando que a frase faz alusão ao número do partido de Crivella, o PRB .

Leia também: Homem é preso após receber dinheiro de mulher para não estuprá-la

"Os casos descritos sugerem a prática deliberada de atos atentatórios à legislação eleitoral, bem como improbidade administrativa pelo Prefeito da Cidade do Rio de Janeiro ", diz um trecho da denúncia contra  Crivella .