Tamanho do texto

Após o menino morrer, a mulher colocou fogo nas roupas dele. Quando a polícia chegou no local encontrou a mãe amamentando o outro filho

Esta semana, um caso que aconteceu em Santa Helena de Goiás ganhou repercussão. Isso porque, uma mulher foi presa acusada de matar o filho de seis anos enforcado no quintal de casa. De acordo com a primeira edição do “Jornal Anhanguera”, transmitido pela afiliada da Globo em Goiás, após matar o filho, a própria mãe ligou para a polícia contando o que tinha acontecido.

Leia também: Mãe tira foto de filhos sem perceber cobra venenosa a centímetros das crianças

Cena do crime arrow-options
Reprodução/TV Anhanguera
Em um "estado de fúria", uma mãe teria matado o filho enforcado


Leia também: Mãe homenageia filho nas redes minutos antes de companheiro matar bebê

Ao chegar ao local, a Polícia Civil encontrou a mulher sentada vendo as roupas do filho, que ela teria tirado antes de enforcá-lo, pegando fogo. O corpo do menino foi analisado e, além dos hematomas no pescoço, ele possuía escoriações em todo o corpo.

Leia também: 'Quero resposta', diz mãe sobre os 45 dias da morte da menina Ágatha

A mulher é mãe de outra criança de apenas 19 dias e, quando a polícia chegou a casa dela, ela estava amentando esse bebê enquanto as roupas do filho morto queimavam. Ao ser questionada pelo policial, a mulher disse que em um “estado de fúria” acabou enforcando o próprio filho. O Conselho Tutelar também está acompanhando o caso e o bebê recém-nascido foi levado para um abrigo.