Tamanho do texto

Dom Orlando Brandes falou por mais de dez minutos sobre temas diversos da atualidade durante missa de celebração do dia da padroeira do Brasil

bispo celebrando missa arrow-options
TV Aparecida / Reprodução
Missa foi realizada na manhã deste sábado

Durante sermão na missa solene do dia de Nossa Senhora Aparecida, celebrada na manhã deste sábado (12) no Santuário Nacional, o arcebispo Dom Orlando Brandes afirmou que a “direita é violenta e suja”.

Em uma homilia de cerca de dez minutos, o arcebispo falou sobre duas passagens bíblicas e as relacionou a temas da atualidade, falando de desemprego, suicídio de jovens e até mesmo de aborto.

Leia também: Damares diz que violência sexual é principal preocupação do ministério

“Temos o dragão do tradicionalismo. A direita é violenta, é injusta. Estamos fuzilando o papa, o sínodo, o Concílio do Vaticano segundo. Parece que não queremos vida”, disse o religioso.

Em entrevista dada ao G1 após a homilia , Dom Orlando afirmou que não direcionou fala a governos, e sim a ideologias. Ele deve receber Jair Bolsonaro durante a tarde em uma agenda oficial do presidente da república.