Tamanho do texto

Tatiany teve um dente quebrado, além de ficar com os olhos inchados; funcionários e seguranças do Villa Country não a socorreram; entenda

IstoÉ

mulher agredida arrow-options
Reprodução
Tatiany foi agredida dentro da casa noturna em SP

A vendedora Tatiany Arci, de 31 anos, foi espancada dentro da balada sertaneja Villa Country em São Paulo (SP) no último domingo (4). Ela teve um dente quebrado, além de ficar com os olhos inchados. 

Leia também: Artesã é esfaqueada após atrasar entrega de peças de biscuit em Minas Gerais

Tatiany contou a polícia que estava em uma comemoração na balada junto com o namorado e amigos. Na hora de ir embora, lembrou que esqueceu uma blusa e voltou para buscar. De repente, foi puxada pelo cabelo por uma mulher e agredida por um homem. A vendedora não sabe se esbarrou sem querer em alguém ou se pensaram que estava furtando algo.

Ela contou que foi ajudada por algumas mulheres que estavam próximas e que nenhum segurança a socorreu. “Meu namorado entrou e me viu desfigurada e ficou em choque. Ele gritou, chorou e pediu para que não deixassem quem me bateu sair da casa (…) Não chamaram ambulância nem a polícia”, disse Tatiany.

Em nota, a casa noturna Villa Country disse que a vendedora “se envolveu em confusão e foi agredida por outros clientes” e que “foi imediatamente socorrida pela segurança e encaminhada à enfermaria da casa”.  “A casa lamenta e repudia qualquer tipo de agressão e desrespeito”, diz a nota.