Tamanho do texto

Após ter matado mulher, homem enterrou corpo no banheiro de casa e foi até delegacia avisar que esposa tinha abandonado ele e dois filhos pequenos

crime de feminicídio arrow-options
Reprodução
Homem disse ter matado a mulher com um golpe de barra de ferro e asfixia

Um idoso de 64 anos procurou a polícia para confessar ter matado a esposa no ano de 1994 na cidade de Cuiabá, no Mato Grosso. Segundo ele, o crime foi motivado por causa de ciúmes. 

Veja também: Filho de Flordelis cumprirá pena por crime cometido quando era menor

Segundo relato, registrado por ele em uma delegacia da cidade de Sinop, ele matou a vítima enquanto ela dormia com um golpe de barra de ferro seguido de asfixia e enterrou o corpo dela junto a bens pessoais no banheiro de casa. 

Em seguida, o homem foi até a delegacia e denunciou que a esposa tinha fugido de casa, o deixando com duas crianças para cuidar: um filho dela, de 10 anos, e outro filho do casal, de seis anos. 

O homem foi ouvido pela polícia e liberado em seguida. A casa foi vendida por ele e, assim que a nova proprietária voltar de viagem, deve ser periciada para que os restos mortais da vítima sejam procurados.

Leia também: Bolsonaro posta vídeo inédito de socorro e lembra dia de ataque em campanha

Apesar do crime de assassinato estar prescrito, o idoso ainda pode responder por ocultação de cadáver.