Menina de nove meses foi deixada com criança de apenas doze anos
Pixabay/Creative Commons
Menina de nove meses foi deixada com criança de apenas doze anos

O pai de uma bebê de nove meses procurou o Conselho Tutelar da cidade de Três Lagoas, no Mato Grosso do Sul, após sua ex-parceira deixar a criança com a filha mais velha dele (enteada dela), de apenas 12 anos, por causa de atrasos de nove dias na pensão alimentícia. 

O rapaz, que é serralheiro, disse que estava no trabalho quando recebeu uma foto da ex na frente da casa dele com a menina . No Conselho Tutelar, ele foi ouvido e recebeu orientações. 

Leia também: Pai é indenizado ao ser proibido de ver parto da filha que morreu após nascer 

“A genitora também passou a versão do caso, disse que ela não sabia que a enteada estava sozinha e acreditava que a babá da enteada estava dentro de casa”, afirmou um dos conselheiros tutelares de Três Lagoas, Daniel Batista. 

O órgão está acompanhando o caso. A investigação também seguiu para a esfera judicial , já que o pai da menina registrou boletim de ocorrência. Como os dois possuem guarda compartilhada, a mulher não deve ser indiciada por abandono de incapaz. 


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários