Tamanho do texto

Rogério Lins, a primeira-dama, Aline Lins, e outras três pessoas sofreram queimaduras durante um evento comemorativo na última dia 28

prefeito Rógério Lins
Divulgação
O prefeito Rógério Lins estava internado no Hospital Municipal Antõnio Giglio, em Osasco, após se ferir na explosão de uma fogueira de uma festa junina

O prefeito de Osasco Rogério Lins (Podemos) e a mulher Aline Lins, que se feriram por conta da explosão de uma fogueira em uma festa junina no último dia 28, receberam alta nesta quarta-feira (10). Eles estavam internados no Hospital Municipal Antônio Giglio, em Osasco.

 Leia também: "Poderia ter sido fatal", diz prefeito de Osasco sobre explosão em festa junina

De acordo com uma nota divulgada pela prefeitura da cidade, “o tratamento se dará em casa e ambos seguirão todas as recomendações médicas, retomando seus compromissos aos poucos”. O prefeito e a primeira-dama não devem ter sequelas.

Prefeito falou após o acidente

"Eu me lembro de, juntamente com a minha esposa, receber uma tocha em mãos, uma pessoa nos direcionar até a fogueira, e nos mostrar o local onde nós deveríamos acendê-la. Foi uma fração de segundos, uma forte explosão", iniciou o prefeito , em vídeo enviado ao portal G1 . 

"Imediatamente me veio à mente as minhas filhas, que no carro vinham me pedindo: 'papai, nos deixa acender a fogueira com o senhor'. Imediatamente me veio também à mente, a possibilidade e a preocupação de alguém do evento, que é um evento solidário, ter se machucado. E quando eu retomei os meus sentidos, eu já estava dentro da ambulância, juntamente com a minha esposa, que imediatamente me trouxe até o Hospital Municipal Antônio Gilgio."

Leia também: Prefeito de Osasco e esposa não terão “deformidades faciais”, diz boletim médico

"Quando eu cheguei aqui, o médico falou que nós tínhamos sido fruto de um grande milagre: primeiro por não termos ficado cegos imediatamente e também porque certamente nós deveríamos ter inalado aquela chama, que também poderia ter sido fatal , e isso não aconteceu", completou o prefeito .