Tamanho do texto

O prefeito de Osasco, Rogério Lins (Podemos), e sua esposa vão tirar o curativo do tipo máscara

IstoÉ

Rógério
Divulgação
O prefeito Rógério Lins está no Hospital Municipal Antõnio Giglio, em Osasco, após se ferir na explosão de uma fogueira de uma festa junina

O prefeito de Osasco, Rogério Lins (Podemos), e sua esposa vão tirar o curativo do tipo máscara e não estão com deformidades faciais, de acordo com o boletim médico divulgado na manhã desta quinta-feira (4) pelo hospital em Osasco onde estão internados.

Leia também: Miliciano preso em operação se passava por policial civil há 10 anos

O casal foi atingido pela explosão de uma fogueira de festa junina no dia 28 de junho, quando o prefeito foi acendê-la. Rogério e Aline Lins continuam sem previsão de alta. O hospital declarou que eles vão permanecer em tratamento. O boletim médico ainda diz que eles “permanecerão com os curativos oclusivos” e que devem se recuperar “sem seqüelas funcionais”.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a festa junina onde aconteceu o acidente não tinha autorização para fazer a fogueira. Os organizadores do evento beneficente Arraiá do Servidô não informam aos bombeiros que seria feito uma fogueira no local.