Tamanho do texto

Benedito Francisco Ricci, de 59 anos, passou mal e desmaiou. Paramédicos foram até o local de pouso, mas o piloto já estava morto

matheus e benedito
Reprodução/ Facebook
Matheus Pasquotti (a esquerda) assumiu o comando da aeronave depois que o piloto Benedito Fernando (a direita) ficou inconsciente

Um caso curioso e dramático aconteceu em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, neste sábado. O piloto de um avião bimotor King Air C90A passou mal e morreu enquanto estava no comando da aeronave.

Leia também:  Suspeito de matar ex-namorada a facadas é preso em baile no Rio de Janeiro

Vendo que o amigo estava desacordado, o copiloto Matheus Pasquotti assumiu o posto do piloto e fez um pouso de emergência. As informações foram dadas pelo G1 com colaboração da TV Morena.

Benedito Fernando Ricci, de 59 anos, era o piloto do bimotor que pertencia a uma empresa agropecuária. Além de Benedito e Matheus uma terceira pessoa estaria na aeronave , um passageiro que não foi revelada a identidade.

O G1 conversou com a Infraero e a informação foi de que o trajeto do avião era de Barreiras, na Bahia, para Americana, em São Paulo. Tudo ocorreu por volta das 10h03 da manhã, horário de Brasília.

Leia também:  Ministério da Agricultura proíbe a venda de seis marcas de azeite

Uma equipe de paramédicos foi enviada ao local, mas Benedito já estava morto. A causa de sua morte não foi informada. O corpo do piloto foi transportado de Campo Grande para a cidade de Rio Claro, no interior de São Paulo, na noite deste sábado e não há informações sobre o velório.