Tamanho do texto

Manifestantes bloqueavam saída da empresa de ônibus Soul, enquanto policiais tentavam dispersar manifestação no centro da cidade de Alvorada

policial
Divulgação/Brigada Militar
PM tentava dispersar manifestação quando foi atingido no olho

Um soldado da Brigada Militar do Rio Grande do Sul foi atingido no olho durante a dispersão de uma manifestação na cidade de Alvorada, na manhã desta sexta-feira (14). O soldado foi encaminhado ao hospital da região, onde deve passar por exames na retina.

Leia também: Greve geral paralisa serviços e transportes em todo o Brasil

Segundo o 24° Batalhão da Polícia Militar, o caso aconteceu por volta das 4h30, quando cerca de 70 pessoas que participavam da manifestação  bloquearam a saída da garagem da empresa de ônibus Soul, na Avenida Presidente Getúlio Vargas, no centro da cidade. 

Os policiais teriam pedido pela liberação da passagem pelos manifestantes , usado bombas de efeito moral e avançado em direção ao grupo. Matheus Lemos Borges, de 28 anos, estava entre os soldados e foi atingido por uma pedra no olho direito. Ainda não há informações sobre o estado de saúde do policial .

Nesta sexta-feira, trabalhadores e estudantes de todo o País se concentram nas ruas para protestar contra a reforma da Previdência e o corte de verbas na educação. A manifestação no Rio Grande do Sul não foi a única a ter confusão. Em Belo Horizonte (MG) uma mulher está internada após inalar fumaça durante um ato e em Niterói (RJ), cinco pessoas foram atropeladas durante o protesto . Enquanto isso, na Paraíba, um jovem foi agredido com um tapa na cara por um policial.