Tamanho do texto

Edital de licitação para escolha da empresa que fará o novo complexo será publicado em outubro; proposta prevê investimento mínimo de R$ 220 mi

Complexo Ibirapuera
Reprodução/Governo de SP
Expectativa do Governo de SP é economizar até R$ 15 milhões ao ano com a concessão do complexo

A Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) aprovou, em sessão nesta terça-feira (4), o projeto de lei que autoriza a concessão do Conjunto Desportivo Constâncio Vaz Guimarães, conhecido como Ginásio do Ibirapuera, pelo Governo do Estado à iniciativa privada.

Leia também: Câmara aprova MP que dá auxílio a vítimas de tragédia em Brumadinho

O edital de licitação para escolher a empresa que fará o novo complexo do Ibirapuera e terá a concessão de uso por 35 anos - cinco anos de obras e 30 de uso - , será lançado até o fim de outubro deste ano. O prazo poderá ser renovado pelas partes ao final do contrato inicial.

 "Com essa concessão vamos economizar mais de R$ 15 milhões/ano e dobrar a capacidade do complexo esportivo com custo zero para os cofres públicos. Uma vitória para São Paulo que ganhará um espaço moderno, arena multiuso com capacidade para 20 mil pessoas em uma região de fácil acesso, no coração da Capital paulista", comentou o Governador João Doria .

 A principal mudança do projeto é a duplicação da capacidade do ginásio de 10 mil para 20 mil pessoas. Além disso, estão previstas obras de modernização e a criação de 3,5 mil novas vagas para carros em um estacionamento subterrâneo.

A empresa vencedora também será responsável pela ampliação das vias de acesso, instalação de câmeras de monitoramento e manutenção de praças e canteiros centrais do entorno durante o período de vigência do contrato , conforme informa nota do governo paulista.

Leia também: Para 35% dos brasileiros, golpe militar é justificável em cenário de corrupção

Espaço

O Conjunto Complexo Desportivo Constâncio Vaz Guimarães tem uma área total de 105 mil metros quadrados, composto por cinco áreas distintas: Ginásio do Ibirapuera ; Estádio Ícaro de castro Mello; Conjunto Aquático Caio Pompeu de Toledo; Palácio do Judô e quadras de tênis e prédios de administração.