Tamanho do texto

Policiais à paisana estavam no veículo e trocaram tiros com os suspeitos; vítima fatal era auxiliar de serviços gerais e estava indo para o trabalho

Ônibus
Reprodução/TV Globo
Incidente aconteceu na madrugada desta quarta-feira no Rio de Janeiro

Uma mulher morreu e outras duas pessoas foram baleadas, no início da manhã desta quarta-feira (5), durante um assalto a um ônibus na zona oeste do Rio. A vítima fatal é a auxiliar de serviços gerais Luzimar S. Oliveira, que estava indo para o trabalho em uma academia quando foi atingida pelos disparos e acabou falencendo no local.

Leia também: Para 35% dos brasileiros, golpe militar é justificável em cenário de corrupção

Os outros dois passageiros do ônibus que foram atingidos são Gelson L. da Silva e Fabiano B. Santa Bárbara. Eles foram socorridos no Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, zona norte do Rio. Um deles se feriu na perna e outro no rosto. A idade de ambos não foi divulgada e ainda não há maiores informações sobre o estado de saúde dos feridos.

O caso aconteceu pouco antes das 5h em um ônibus da linha 383 (Realengo x Praça da República). O veículo trafegava pela Estrada Intendente Magalhães, na altura do número 346, no sentido Centro.

De acordo com as primeiras informações, dois bandidos entraram no ônibus em um ponto da Intendente, pagaram a passagem e anunciaram o assalto . Dois policiais militares estavam no veículo à paisana e reagiram. Na troca de tiros, os três passageiros foram atingidos. Os bandidos conseguiram fugir e deixaram no local uma pistola falsa e uma faca.

O quartel de Campinho do Corpo de Bombeiros foi acionado e constatou a morte de Luzimar e socorreu as outras duas vítimas. A PM também foi chamada e agentes do 18º BPM (Jacarepaguá) foram enviados ao local. A Delegacia de Homicídios da Capital (DH) chegou pouco depois das 7h para a realização da perícia.

Leia também: Barrado pelo CNJ, divórcio impositivo permitiria processo sem consenso; entenda