Tamanho do texto

Decisão foi tomada após briga dentro de um presídio no domingo resultar na morte de 15 detentos; crimes aconteceram durante o horário de visita

Moro
José Cruz/Agência Brasil - 8.5.19
Depen espera apenas a formalização do pedido do governo do Amazonas para mandar o reforço

O ministro da Justiça, Sergio Moro , anunciou que enviará tropas da Força-tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP) para reforçar a estrutura de segurança do Complexo Penitenciário Anísio Jobim, no Amazonas.  Segundo a assessoria do ministro, o  Departamento Penitenciário Nacional (Depen) espera apenas a formalização do pedido do governo do Amazonas para mandar o reforço. 

Uma briga dentro do presídio no domingo resultou na morte de 15 detentos . Alguns presos teriam matado colegas de presídio por asfixia e com perfurações com cabos de escova na frente de familiares. Os crimes aconteceram durante o horário de visita a que os presos têm direito. O envio das tropas da força-tarefa foi acertado entre Moro e o governador Wilson Miranda (PSC). 

A FTIP foi criada em janeiro de 2017. "Na atual gestão, o Depen passou a coordenar, exclusivamente, a força-tarefa em apoio aos governos estaduais em situações extraordinárias de crise no sistema penitenciário para controlar distúrbios e resolver outros problemas", diz nota do Ministério da Justiça.

A força é formada por agentes federais de execução penal dos 26 estados da federação e do Distrito Federal. Tropas da Força Nacional de Segurança Pública (FNSP), responsável pela segurança da área externa do presídio , deverão permanecer na mesma função.