Tamanho do texto

Suspeitos são investigados pelos crimes de produção, armazenamento e distribuição de material pornográfico envolvendo crianças e adolescentes

PF
Divulgação/PF
Agentes realizam buscas nos computadores dos presos durante a operação desta quinta-feira

A Polícia Federal (PF) cumpre 28 mandados de busca e apreensão em oito estados em uma ação contra pornografia infantil denominada Operação Nêmesis.

Leia também: Após novo decreto de armas de Bolsonaro, Exército deve proibir posse de fuzis

Segundo os investigadores da PF , o objetivo da operação é "reprimir a prática de crimes de produção, armazenamento e distribuição de material pornográfico envolvendo crianças e adolescentes".

A operação envolve cerca de 120 policiais federais em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraíba, Sergipe e Maranhão. Não foram expedidos mandados de prisão.

Em março, outra operação nacional da PF contra a pedofilia prendeu 141 pessoas, segundo o Ministério da Justiça. Para chegar aos alvos, policiais analisaram 237 mil arquivos na internet.

Leia também: Moro admite derrota em decisão sobre Coaf: "Perder faz parte da democracia"