Conta de Bolsonaro no Twitter será de responsabilidade da Secretaria de Comunicação
José Cruz/Agência Brasil
Conta de Bolsonaro no Twitter será de responsabilidade da Secretaria de Comunicação



A conta de Jair Bolsonaro no Twitter começará a ser comandada pela Secretaria de Comunicação (Secom). De acordo com as informações do jornal O Estado de S.Paulo , o presidente transferiu, neste domingo (6), a responsabilidade de sua rede social.

Leia também: Bolsonaro critica auxílio-reclusão e fala em "fazer justiça" durante seu governo

Além da conta de Bolsonaro no Twitter , a Secom também cuidará de seus perfis pessoais em outras mídicas. Segundo o decreto assinado, o presidente concordou em transferir a administração das “contas pessoais das mídias do presidente da República”.

A Secom também foi utilizada para as redes dos ex-presidentes Michel Temer e Dilma Rousseff.

A medida foi tomada um dia depois de Bolsonaro e o ex-candidato à Presidência da República, Fernando Haddad , discutirem na rede social . No sábado, o novo presidente  rebateu um texto publicado por Haddad em suas redes sociais na sexta-feira (4). O professor compartilhou o texto de um jornalista alemão que diz que "está na moda um anti-intelectualismo no Brasil".

Em resposta, Bolsonaro chamou Haddad de "fantoche do presidiário corrupto", em referência ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, disse que o Partido dos Trabalhadores (PT) "quebrou o Brasil" e que "o marmita, como todo petista, fica inventando motivos para a derrota vergonhosa que sofreram nas eleições, mesmo com campanha mais de 30 milhões mais cara".

Você viu?

Confira a postagem:





Bolsonaro no Twitter já causou outras polêmicas

Conta de Bolsonaro no Twitter cria polêmicas nas redes sociais
Alan Santos/PR
Conta de Bolsonaro no Twitter cria polêmicas nas redes sociais


Leia também: Com privatizações, Bolsonaro espera investimentos de cerca de R$ 7 bilhões

Nos últimos dias, as redes sociais do presidente tem virado assunto. Além de anunciar algumas medidas de sua gestão e fazer comentários políticos, a conta de Bolsonaro no Twitter também vem sendo usada para bloquear alguns jornalistas e curtir e compartilhar matérias e comentários de contas falsas de famosos portais e jornais.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários