Tamanho do texto

Durante a madrugada desta segunda-feira (24), suspeitos explodiram quatro agências bancárias e incendiaram carros, fechando túnel na rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro, em Campos do Jordão; a via de acesso já foi normalizada

Criminosos explodem agência bancária em Campos do Jordão
Reprodução/ Twitter @heyjacon
Criminosos explodem agência bancária em Campos do Jordão

Criminosos fortemente armados explodiram três bancos e uma agência de crédito na Vila Abernéssia, em Campos do Jordão (SP), durante a madrugada desta segunda-feira (24). Ainda não foi informado pela Polícia Civil se alguma quantia de dinheiro foi levada. O que se sabe é que os criminosos fugiram e ninguém foi preso.

Leia também: Preso 3º suspeito por ataque a bancos que resultou na morte de reféns, no Ceará

O ataque em Campos do Jordão teria começado com a invasão de um banco e a explosão dos caixas eletrônicos, por volta das 3h, na Avenida Frei Orestes Girardi, segundo informações da Polícia Militar. As agências invadidas foram o Banco do Brasil, Bradesco, Santander e Sicredi.

 Os barulhos de explosões e tiros acordaram os moradores da região, que prontamente chamaram a polícia. Os criminosos ainda queimaram ao menos três carros em um túnel na rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro – que é a principal via de acesso para a cidade, atrasando a chegada dos policiais ao local – e fugiram pela estrada sentido Monteiro Lobato em, pelo menos, seis carros diferentes: Santa Fé, Land Rover, Parati, Volvo, Corolla e Hilux, segundo os investigadores.

 A rodovia ficou interditada por quatro horas, mas foi liberada por volta das 7h. O crime, que durou cerca de 30 minutos, foi registrado no 1º DP (Distrito Policial) de Campos do Jordão.

Os danos ao Bradesco ainda estão sendo analisados, segundo informou a agência, porém o atendimento ficará suspenso, nesta segunda, até que ele possa ser reestabelecido, o mais rápido possível. O mesmo acontece com o Banco do Brasil que não tem previsão de reabertura da agência. Tanto o Banco do Brasil, quanto o Santander informaram que estão colaborando com as autoridades na investigação do caso.

Leia também: Vídeo - idosa é feita refém por assaltante, mas é salva pela PM-RJ

As imagens de câmeras de segurança e vídeos da fuga dos suspeitos gravados pelos moradores poderão ajudar a polícia a identificar o paradeiro dos criminosos.

Não só Campos do Jordão é vítima de assalto 

Assim como o caso de Campos do Jordão, não foi informado se dinheiro foi levado em tentativa de assalto a carros-fortes
Reprodução/TV Globo
Assim como o caso de Campos do Jordão, não foi informado se dinheiro foi levado em tentativa de assalto a carros-fortes

Às vésperas do Natal, a  zona oeste de São Paulo também foi alvo de uma tentativa de assalto, dessa vez, a um carro-forte, no estacionamento do supermercado Extra no quilômetro 13 da Rodovia Raposo Tavares, na região de Butantã. O ataque terminou em tiroteio, um criminoso morreu no local e os outros dois fugiram em um carro do modelo Chevrolet Agile. 

O caso aconteceu no momento em que os carros-fortes chegaram ao supermercado para abastecer os caixas eletrônicos do estabelecimento, por volta do meio-dia. Segundo a Polícia Militar, a ação foi realizada por três criminosos, mas outros relatos contam que os suspeitos integravam uma quadrilha de mais de 20 criminosos.

Assim como no caso de Campos do Jordão ,  não foi informado se os suspeitos conseguiram levar alguma quantia de dinheiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas